quarta-feira, 27 de março de 2013

Olha que esta...

Ora bem,  há uns meses, baby G.começou a comer sozinho com a sua colher. Eu sei, era maioritariamente fruta e, às vezes, arroz e carne, mas, a verdade, é que levava  a colher direitinho à boca e ficava todo feliz quando batíamos palminhas.  Eu vim para aqui gabar-me com a eficiência da criança, com direito a fotos e tudo e  não é que agora não quer comer nada sozinho. A fruta é à dentada, come tudo: pêra, maça, tangerina, banana...não quer nada partido. Muito bem, os 'seus desejos são ordens', até dá menos trabalho. Agora, a comida, a papa e afins, não só não quer comer com a colher dele, como fica verdadeiramente irritado quando eu lhe digo para comer sozinho. Passa-se, reclama, faz cara feia e atira as coisas para o chão. Resultado: não come se eu não lhe der à boca, qual lord com o rei na barriga. E agora? Como o incentivo a comer sozinho outra vez? O objectivo é rumarmos em direcção à independência e não o contrário, certo?

Lãzuda

Seja no Inverno ou no Verão, as peças de lã para recém-nascidos são um elemento básico em qualquer guarda-roupa. É por isso que este projecto de uma amiga - a Lãzuda - tem um toque especial. Ela adora tricotar e tem um jeito especial para pormenores deliciosos nas peças que cria. As minhas preferidas são as clássicas botinhas de lã, indispensáveis para qualquer bebé, e os vestidos amorosos das meninas.

Não existem duas peças iguais e normalmente ela produz a pedido. Ou seja, quem tenha uma ideia é só pedir que ela faz. Escolhe a cor, o pormenor, os botões... tudo à medida!






Encomendas e mais informação aqui.



terça-feira, 26 de março de 2013

Já tenho a minha...

Chegou na semana passada e é tão linda como pré-anunciava no catálogo da nova colecção da Zara. Os tamanhos pequenos estiveram esgotadíssimos nas lojas e só porque me inscrevi no site para ser notificada quando estivesse disponível é que consegui comprar uma assim que foi possível. Ei-la:


Mini-saia calção - Zara

Na onda das calças largas...

Descobri recentemente que as calças largas me ficam bem! Aliás muito bem ;=) modéstia à parte, claro! Já usei calças largas, mas não eram o meu forte. Ultimamente andava mais nas calças justas, com sandálias no verão e botas por fora no Inverno, mas depois de ter comprado umas assim largueironas já desta nova colecção fiquei a gostar do estilo.

Estas foram as primeiras. Verde caqui na Zara...


E agora quero estas com flores da H&M...



A primeira baixa de luxo...


Baby G. lindo do meu coração mandou o meu fofinho Michael Kors ao chão e pufff... as três rodinhas de dentro soltaram-se e o relógio deixou de funcionar! E agora, alguém sabe onde o posso mandar arranjar? Boutique dos relógios? Será?

Bibi, o primeiro amor

O meu filho está apaixonado... por uma vaca de peluche! Verdade... uma paixão assolapada que tem ganho toda uma nova dimensão nos últimos dias.

Chega a casa, corre para o quarto e assim que vê a "Bibi", agarra-se a ela e dá beijinhos (atenção que eu preciso quase suplicar para ter direito a beijinhos dele e o raio da vaca nem precisa de pedir!).

Sento-o no sofá para ver desenhos animados, reclama para que vá buscar a "Bibi" e a coloque ao lado dele. Logo se encosta e fica assim, deliciado com a "namorada" a assistir aos programas preferidos da televisão.

Sento-o no bacio e ele grita pela "Bibi" e aponta-me a sanita, para que sente a vaca a fazer-lhe companhia neste momento tão importante da sua vida.

Hora de ir dormir: "Mamã, a Bibi?". E se é verdade que ainda gosta de agarrar a minha mão e encostar-se a mim para adormecer, agora tenho que colocar o peluche ao lado para se ir encostando também a ela.

E perguntam vocês por que raio ele chama "Bibi" à vaca? Pois que não faço ideia. Quando lhe ofereceram o peluche no Natal, apelidei-a de Fluffy. Também não sei porquê, mas achei que era um nome fofinho para uma coisa assim felpuda como ela. Ensinei-lhe que a Fluffy era uma vaca e quando lhe pergunto o que é a "Bibi" ele, de facto, não tem qualquer pudor em dizer que é uma "Bá". Mas desde há umas semanas que a "Bi", o nome que eu associava que ele dizia por achar que era um "bicho", passou a "Bibi" e desde aí todo um novo mundo cor-de-rosa se abriu entre aqueles dois.

Ele dá-lhe bolachas na boca e suja-a toda, faz-lhe festinhas, leva para o carro para passear com ele... enfim, é um romântico!






segunda-feira, 25 de março de 2013

Marginalíssimo

Gostam de 'fondue"?!!! Se gostam, então este post é para vocês. E se gostam de profiteroles com gelado e chocolate quente por cima, então ainda é mais! Este fim-de-semana fui conhecer o Marginalíssimo, que como o próprio nome indica não podia ficar na Baixa da Banheira, mas sim na Avenida Marginal, mesmo à entrada de Paço de Arcos. Marcar mesa é uma aventura. Está sempre cheio e com listas de espera de várias semanas. Mas vale mesmo a pena, porque é bom, bom, mas bom!
Fondue à discrição, até rebolares de tanta carne, molhos e batatas fritas. Sangria fresquinha e doce. Mesmo aquilo que estava a precisar depois de uma semana a dieta forçada e com um cansaço acumulado como não sentia há muito. E como gulosa-mor  que sou, os profiteroles do final, também à discrição e até estar enjoada de chocolate quente, foram a cereja no topo do bolo. Assim: Marginalíssimo? Aprovadíssimo.

P.S. Ainda conseguimos acabar a noite a ganhar 10 euros no Casino Estoril:)

Páscoa

A tradição lá em casa é o típico almoço de família no Domingo de Páscoa. Ah... com direito a uma Caça aos Ovos que os miúdos adoram!!! Mas confesso que este ano estava com vontade de ir passar a Páscoa fora. Aproveitar o feriado e ir a qualquer sítio de preferência para sul. E vocês, o que fazem nesta altura do ano? Ficam por casa? Ou vão de férias???


P.S: E amêndoas?? Sou viciada em amêndoas... Lá se vai a linha :=)

sexta-feira, 22 de março de 2013

Uma semana difícil

Foi isso mesmo: uma semana difícil, muito difícil. Não estou habituada a ter a cria doente e isso deixa-me toda trocada. Baby R. apanhou uma suposta virose e desde segunda-feira que não fazia outra coisa que não vomitar. Terça-feira acabamos a noite no Hospital Dona Estefânia, com o mini-terrorista a soro durante uma hora, análises para lá, raio X para cá, soro hidratante dado à seringa e muito, muito choro...

Foram três dias a trocar roupas de cama e pijamas duas e três vezes por noite, muito poucas horas de sono e o coração dos pais apertadinho de preocupação. A tortura maior foi recusar-lhe a água que ele ia pedindo insistentemente a toda a hora, a chorar e com ar de súplica:(

Desde ontem ao almoço que os vómitos pararam e a boa disposição voltou lá a casa. Para já, continua a dieta imposta: nada de legumes ou leite, muito chá preto com açúcar, chupa-chupas para o deliciar, arroz e papas com água.

Agora, resta dizer:  "vai-te embora oh bicho estranho, que não gostamos de ti!!!"


Segurar a seringa do soro nas mãos de um baby de 18 meses não é tarefa fácil, como se pode ver... Ele foi um corajoso e não chorou compulsivamente, apenas foi-se lamentando com um insistente "mamã, pi , pi...", a dizer que picava.



O susto da suposta escarlatina!

Estes últimos dias foram para esquecer... Desde o início do mês que a V. andava com umas borbulhas pelo corpo todo. Começou quando estávamos na Serra da Estrela e eu não dei grande importância porque achei que era uma alergia. Nesse fim-de-semana, pela primeira vez, decidi não lavar uns bodies que lhe comprei, só passei a ferro. Ora como a V. tem uma pele hiper sensível eu atribui as borbulhas a isso. Achei que tinha feito alergia e desvalorizei completamente. Entretanto quando voltamos ela esteve com uma febre passageira que eu não associei às borbulhas. Só ao final quase de uma semana, com em vez de passar, as borbulhas aumentaram, é que liguei à pediatra:
- Mas ela tem febre???
- Não... só teve uma pontinha há 4 dias.
- E a garganta está vermelha, tipo cor de morango?
- Não, acho que não.
Bom então deverá ser mesmo alérgico, foi esta a conclusão que a Dra. tirou e mandou-me dar-lhe Fenistil. Mas avisou-me logo para ao primeiro sinal de febre ou alteração do estado dela ir lá ao consultório. 
Mais uma semana e nada de passar. Desta vez o Fenistil não fez efeito.
Só assim para terem uma ideia, a pela da princesa parecia lixa. Tinha manchas enormes de pequenas borbulhinhas. Estava áspera. E ela tinha tanta, mas tanta, comichão  que chegou a fazer ferida nos braços. Bom... na sexta-feira passada lá fomos nós de urgência para a pediatra e quando lhe tiro a roupa percebo que até a médica ficou assustada. Não foi bem assustada... mas ficou apreensiva com o estado da pele da V. Estava tão feia :=( Depois pediu para eu tirar os collants para lhe ver os pés. Também desde há uns dias a V. tinha os pés e as mãos a descamar e os pés estavam mesmo mal! 
OK, o que será que temos aqui??? Apesar da tendência da V. para fazer eczemas isto era um exagero por isso havia a possibilidade de ser um micróbio/bactéria qualquer a causar isto. Os sintomas, mesmo sem febre e sem a língua de morango, apontavam para possível escarlatina!!! Garganta ligeiramente inflamada, erupções cutâneas fortes, pele avermelhada e a descamar... What??? Que raio de doença é esta??? Que nome horrível!!! (info aqui  e aqui) 
A médica disse que a escarlatina normalmente é fácil de diagnosticar, mas no caso da V. para termos a certeza o melhor era fazer uma análise e tirar a teima se é algum micróbio da garganta ou não. É que ela de facto tinha muitos sintomas, mas não todos. E a dúvida era: estaremos a achar que é uma bactéria e é só uma reacção alérgica numa pele com tendência atópica? Ou vice-versa? Só a análise podia confirmar.
No entretanto, passou-me logo duas super pomadas de cortisona para aplicar de imediato e deixamos o antibiótico em stand by para ver quanto tempo demorava o resultado da análise. No sábado fomos para a CUF e o resultado só chegava 4ªfeira. Bom, há duas semanas assim e ainda esperar mais 5 dias seguimos o diatado "mais vale prevenir do que remediar" avançamos com o antibiótico também.
No final da história posso dizer-vos que a V. começou a ficar boa ainda no fim-de-semana e hoje está completamente recuperada. A análise deu negativo e quando falei ontem com a médica estava com uma dupla sensação: por um lado aliviada, ainda bem que não é nada; por outro irritada porque fico sem saber o que causou esta reacção à pele da minha princesa. Se não há micróbio/bactéria deve ser mesmo alérgico ou viral (andam sempre aí 1001 viroses que nem sabe bem o que são). Também já pensei em levá-la a um dermatologista de crianças mas agora a pele dela está uma maravilha... Não vai dar para mostrar nada! Enfim, foi um susto e um stress ao mesmo tempo!

Já ouviram falar ...

Na Estrelas e Ouriços??? É uma revista e um site com actividades para fazer em família. Foi a pediatra do G. que me deu  na última consulta e fiquei surpreendida. Tem passeios, workshops, actividades para fazer em casa,  concertos, livros, passatempos...se puderem vão lá espreitar.É uma boa referência para quando estivermos sem ideias!

quinta-feira, 21 de março de 2013

O primeiro chichi no penico

Foi hoje! A avó D. comprou-lhe um penico no sábado e desde segunda-feira que andamos em apresentações. Ao início, ele gostou mesmo de levar o penico de um lado para o outro, depois sentou-se, mas levantava-se logo a seguir. Ontem tirei-lhe a fralda e disse para se sentar no penico para fazer chichi, ele levantou-se logo e acabou por fazer no tapete. Mas hoje...hoje fez direitinho! Acho que ele ainda não percebe muito bem , achou piada, foi o que foi. Mas  não deixa de ser um começo. 

quarta-feira, 20 de março de 2013

Happy Father's Day!

A mamã foi comprar uns sapatos super fashion para a V. dar ao papá, mas o presente mais bonito foi a princesa que o fez...



Calendário 2013, made by princesa V., com ajuda da professora L.

O mais engraçado foi a V. sempre a apontar para as bolinhas de tinta (feitas com os dedos dela) e a dizer "pico", "pico", "pico"!!! 
Ahh e parece que a cópia a cores da mão dela não foi tarefa fácil... a V. não estava a achar muita piada e antes da cópia acabar tirava a mão :=) Resultado, o dedo gordo ficou a fugir...

Primavera hoje??? Alguém anda trocado!

Desde que me lembro de ser gente a Primavera começa a 21 de Março... Mas acabei de ver o telejornal da SIC a anunciar hoje o primeiro dia da Primavera?!?! Será que mudaram o dia e ninguém me avisou??? Acho que não, até que já fui confirmar à Wikipédia e lá está, 21 de Março. Por isso não se deixem enganar!!! Os senhores da SIC estão tão desejosos de calor que até já se anteciparam :=))

P.S: By the way... alguém sabe quando é que acaba de vez o frio e a chuva??? Sim, hoje está melhor, mas parece que é Sol de pouca dura...

segunda-feira, 18 de março de 2013

Todo o cuidado é pouco...

A toda a hora ouvimos conselhos, advertências, chamadas de atenção com o sinal "Perigo". Com as crianças todo o cuidado é pouco e é mesmo preciso termos dez olhos e quantos mais houver em cima deles para evitar acidentes. Nem sempre é possível e por mais cuidado que tenhamos, há sempre coisas que escapam. Não foi dramático, nem trágico, mas podia ter sido!

Baby R. adora andar pela cozinha quando estamos a fazer o jantar. Passo o tempo que estou ao fogão, a fechar as portas, a dizer "não mexas aí", "arruma isso", blá,blá,blá. Por sorte, ele não tem por hábito meter nada na boca, o que, confesso, nos tem deixado mais relaxados em muitas situações, como a mania de andar com os euros nas mãos a brincar e a dizer repetidamente "eu, eu, eu". Mas o certo é que, mais uma vez, os acidentes acontecem!

Na sexta-feira, estava eu no banho, quando o A. me entra pela casa-de-banho dentro, com o R. no colo a chorar e a cuspir: tinha provado Fairy! Ao que parece não engoliu. Assim que sentiu o sabor daquilo desatou a chorar e a cuspir, porque o sabor não lhe agradou!

Lavamos-lhe a boca com água, lavei-lhe os dentes e ele ficou bem-disposto outra vez. Mas, obviamente, que não fiquei descansada... andei a hora seguinte à procura de algum sinal que mostrasse que algo não estava bem: manchas na pele, sonolência ou qualquer coisa fora do normal! Nada. Ainda assim, não consegui pô-lo a dormir na cama dele e ficou na nossa durante essa noite!

Felizmente, não foi nada! Mas podia ter sido e martirizamo-nos vezes e vezes sem conta por ter deixado o Fairy ao alcance dele! Depois de comentar com umas amigas, fica aqui a dica se algum dia vos acontecer algo semelhante: por via das dúvidas, obriguem-nos a beber uma quantidade de azeite para os obrigar a vomitar. Seja pouco ou muito o que engoliram, têm a certeza que parte disso sairá logo.


Segunda-feira...

Odeio segunda-feira. Odeio! E ainda mais constipada e com uma noite mal dormida... Ahhh só me apetecia estar em casa...

domingo, 17 de março de 2013

E já faz um ano...

Que baby G. foi baptizado. E foi assim...



                                              


 Fotos Mc Photography. Vejam o trabalho Aqui! É fantástico!

PS1: Obrigada à May Mom por ser a melhor madrinha do mundo!

PS2: Aparece em todas as fotos só com um sapato.



sexta-feira, 15 de março de 2013

Na base da chantagem...

De manhã quando quero vesti-la:
-"V. senta-te e está quieta senão acaba-se o Panda!"

Quando quero pôr-lhe um elástico no cabelo:
-"Deixa a mamã fazer um totó."
-"Nãaaaaaoooooo"
-"Olha que eu desligo a televisão!"

A tentar trocar a fralda:
-"Ou ficas direita ou desligo a televisão e não há nem Caricas, nem Xana Toc Toc!"

Para sair do banho:
-"Queres ver o Noddy?"
-"Queres!!!"
-"Então tens de sair daí!"

Resulta (quase) sempre... Fica logo quieta, deita-se de barriga para cima para mudar a fralda e até deixa fazer penteados! Sair do banho é mesmo o mais difícil... mesmo com o Noddy a princesa quer aproveitar todos os minutos até a água desaparecer.
Ontem dei comigo a pensar que é um bocado feio fazer chantagem, mas nestes casos acho que é uma chantagem saudável! Também passam pelo mesmo??? 

Sugestões Dia do Pai

O Dia do Pai está quase aí e ainda não tenho presente para nenhum dos pais lá de casa... nem para o A., nem para o meu. Este ano estou com muito pouca imaginação... mas aqui ficam algumas ideias que fui guardando.

Conjunto duas canecas (uma para o pai, outra para o filho) - Princess Pea (ilustrações originais)


Gravata - Princess Pea


Capa Iphone - Princess Pea

Moldura Girly Things

T-shirts iguais - Knot


Boxers Iguais - Me&Thegrownups









quarta-feira, 13 de março de 2013

Eu sou uma pessoa com problemas!

Tenho um problema grave que é: sofrer por antecedência! Odeio ser assim, mas não consigo controlar. E depois ainda vou para o google pesquisar para sofrer mais um bocadinho! Haja paciência!

A lista da nossa mãe

Fomos desafiadas pela By me (& her) a participar neste desafio. Chama-se " A lista da nossa mãe" e foi inspirado num livro com o mesmo nome, que conta a história de Kate uma mulher que perdeu a luta contra um cancro, mãe e que deixou um tesouro só seu para os filhos! Criou uma lista de lugares a visitar, musicas a ouvir, coisas a fazer e palavras que falam dela. Falou de quem foi e de quem quis ser...O tal tesouro que deixou como herança, surgiu da vontade que eles nunca se esquecessem dela e a sentissem mais perto durante a vida!

O desafio passa por deixar uma lista semelhante aos nossos filhos.  Divide-se em duas partes: uma sobre nós e outra para deixar aos nossos filhos.


Este é o selo do desafio

Seguem as nossas respostas:

Bebé Bolsão: Verde
May Mom: Preto
Mom Butterfly: Rosa
Parte 1, sobre mim:
Prato favorito:
BB: Massas! Adoro.
MM:  Massa… Tudo o que tenha massa gosto muito, especialmente pratos italianos.
MB: Cabrito (acho que depois da Serra, já posso assumir istoJ


 Peça de roupa e acessórios:
BB:Vestidos e calções
MM:  Jeans e calções. Acessórios… todos! Sandálias, carteiras, relógios, ai relógios…
MB:Vestidos e sapatos altos

Música favorita: 
BB: A nossa música ‘When you say nothing at all’ do Ronan Keating
MM: É isso aí, Ana Carolina e Seu Jorge
MB: Robbie Williams

Flor:
BB: Não gosto muito de flores! A maioria faz-me alergia. Posso dizer as que odeio: malmequeres, e margaridas. 
MM: Túlipas
MB: Orquídeas 

Cor:
BB: Verde e branco 
MM: Branco, verde, rosa… no Verão e castanho e preto no Inverno
MB: Rosa

Cheiro favorito: 
BB: Roupa lavada 
MM: uhmmm não sei. Sei que não gosto de cheiros muito fortes, fazem-me dores de cabeça.
MB: O do meu bebé


Livro favorito
BB: Adoro ler, já li imensos livros que amei, mas sempre que me fazem esta pergunta é este que me vem à cabeça: Uma Mulher de Branco Wilkie Collins. O livro era da minha mãe e li na adolescência. ADOREI. Também gostei imenso das Travessuras da Menina Má do Mário Vargas Llosa.
MM: Adorei ler o Código Da Vinci, de Dan Brown e o Equador de Miguel Sousa Tavares. Foram os livros que li com mais prazer. Queria sempre ler mais uma página e mais outra e outra…
MB:  Diário de Anne Frank e A Sombra do Vento (Carlos Ruiz Zafon)

Local:
BB: Praia. Gosto tanto no Verão como no Inverno
MM: Praia. Adoro ir à praia!
MB: A minha casa

Brincadeira favorita: 
BB: Fazer rir o G. ADORO!
MM: Neste momento, qualquer brincadeira com a minha princesa!
MB: Brincar às escondidas com o R.


Quotes mais importantes para a vida:
BB: Não faças aos outros o que não gostas que te façam a ti. 
MM: Querer é poder! A minha Mãe dizia-me isto muitas vezes.
MB: Os amigos são os que estão contigo nos sucessos e não apenas nas desgraças. (A primeira vez que ouvi, achei muito estranho e lembro-me de pensar que era o contrário que estava certo, mas não, é mesmo assim)


Maior mentira: 
BB: Na vida tudo tem um preço! Na verdade, acho mesmo que as melhores coisas da vida são grátis: o sorriso do nossos filhos; o sol a bater na cara; um mergulho no mar; um beijo apaixonado...
MM: Que o tempo cura tudo.
MB: Quando fazemos de conta que está tudo bem!


Maior traquinice:
BB: Ui….várias nas diversas colónias de férias. A maior foi a de bicicleta pelo Alentejo. Meteu perdidos no mato, polícia, bombeiros…enfim, hoje é divertido lembrar, mas não sei se deixaria o G. fazer o mesmo.
MM: Não sou muito de traquinices… gosto de fazer surpresas e andar uns dias antes a “torturar” a pessoa que vai ser surpreendida :=)
MB:  Ser cúmplice num “esquema” que acabou com vários pneus vazios…

Gelado favorito: 
BB: Sorvete de morango 
MM: Meloa, no Santini
MB: Avelã


Profissão que queria ter: 
BB: Jornalista. Já fui, gostei, mas hoje em dia gosto muito mais de trabalhar  com a criatividade na área da ficção.
MM: Quando era pequena queria ser farmacêutica. Depois desisti e virei-me para jornalismo e gestão. Já fui jornalista e agora trabalho em marketing e vendas. No fundo já passei pelas duas profissões que escolhi.
MB: A que tenho: Jornalista

Defeito da mãe:
BB: Ser muito ansiosa.
MM: Às vezes perco rápido a paciência
MB:   Falta de paciência

Qualidade da mãe:
BB: Pôr o bem estar do G. em primeiro lugar
MM: Carinhosa, meiga e amiga
MB: Meter-te sempre em primeiro lugar.

Parte 2, para os filhos:

Fecho os olhos e a primeira imagem que tenho de ti é... 

BB: do teu sorriso traquinas.
MM: É o teu sorriso lindo com covinhas nas bochechas :=)
MB: Um bebé roxo, de lábios cor de sangue e com unhas em triângulo e enormes!

O que guardarias na caixa de recordações dos teus filhos...
BB: as nossas gargalhadas juntos, as brincadeiras, as fotografias dos nossos momentos.
MM: Fotografias, muitas fotografias! Para guardar para sempre os momentos maravilhosos que passamos juntas!
MB: O meu amor por ele e o meu aconchego!

 Lugares onde querias levar os teus filhos... 
BB: às praias do Brasil, ao mundo encantado da Disney,  aos campos do Alentejo… há tantos sítios bons para os levar.
MM: Ao céu, para conhecerem a avó E. :=) Fora isso, gostava de levar os meus filhos aos quatro cantos do Mundo. Fiz umas quantas viagens com os meus pais e adorei. Espero poder levar a V. e outros babies que venham a conhecer outros países e outras culturas.
MB: À Disney mostrar-lhe o mundo mágico dos desenhos animados!

Coisas que gostas que eles te digam... 
BB:o G. ainda não fala. Mas acho que vou amar quando ele disser mamã!
MM: Simplesmente “Gosto muito de ti”!
MB: mamã, mamã (com ar de quem precisa apenas do meu abraço e do meu mimo para que tudo fique bem) 


Coisas que não ias gostar que eles fizessem.
 BB: que mentissem!
MM:.. Mentir e desobedecer-me.
MB: que não quisessem saber da escola e entrassem por maus caminhos!

O que não gostas de fazer aos teus filhos... 
BB:  perder a paciência! 
MM: Ralhar, falar alto, dar uma palmada. Mas às vezes é necessário e é para o bem deles.
MB: ralhar e dar palmadas, mas tem que ser!

Queres muito que os teus filhos busquem...
BB: o amor e a felicidade para a sua vida. Que não se acomodem e que procurem sempre serem melhores pessoas.
MM:a Felicidade! É o que todos queremos. Que os nossos filhos sejam felizes e que realizem os seus desejos. Que encontrem a pessoa certa, que escolham a profissão que querem e acima de tudo que também eles construam uma família perfeita!
MB: o amor em tudo aquilo que façam… na família, no emprego, nos hobbies, nos amigos… amor em todas as suas formas e feitios! Porque com amor tudo o resto se conquista mais facilmente!


E agora passamos:
tretasminhasetua
bolachadamaria
queenofhearts
diasdeumaprincesa
princesasemreino
 http://www.sweetsweet2.blogspot.pt/


Enjoy it! Estamos ansiosas por ver as vossas respostas

Bilingue

Já vos contei que a minha princesa adora, desde sempre, cantar os parabéns. De vez em quando lá anda ela pela casa: "TátaTa Tá Tóti, essa dá a erida" ou a melhor parte "uma pála de palma"... só ouvindo, é de rir!!! Mas a novidade chegou hoje de manhã ao pequeno almoço. Estava eu a comer o meu pãozinho e de repente começo a ouvi-la: "Apibi di tu iu, Apibi di tu iu..." What??? A V. está a cantar em inglês?!?! Bem fartei-me de rir. É que ela fica mesmo concentrada na música :=)) Bom, foi a risota geral... é que ela acha piada quando nós nos rimos das maluqueiras dela!!!

segunda-feira, 11 de março de 2013

Parabéns R. - 18 meses!

Quando penso que já passaram 18 meses desde a primeira vez que te vi, pequenino, pequenino, a morrer de medo que precisasses de ir para uma incubadora e eu ficasse sem te ver durante as primeiras horas da tua vida... quando penso em tudo isso e imagino o que foram estes 18 meses ao teu lado fico de coração cheio, cheio e um amor tão grande, tão grande a querer sair pela boca fora que chego a ficar assustada!!!

Estás cada dia mais reguila e com uma energia que chega a ser difícil acompanhar-te. És super simpático e sempre bem disposto. Ai de quem passe por ti e não te dê atenção: não te calas com os "Oás" até que te respondam de volta. Continuas a comer a tua papinha no biberão Às 6h30 da manhã e por muito que me custe não te consigo tirar esse hábito. Fora isso, corres o dia inteiro e brincas sem parar, o que implica que às 22h, como hoje, caias para o lado assim que me deito na cama contigo.

Este foi o mês em que aprendeste a fazer cócó no bacio e a pedir quando tens vontade. Para já, esta proeza só é feita em casa e quando não estás perto do bacio, a fralda continua a ser a tua aliada. Mas é engraçado ver-te pedir para ir para a casa-de-banho e sentares-te lá até estares despachado!!!

Também foi o mês em que me deste beijinhos repenicados pela primeira vez. Não é fácil convencer-te, mas quando começas, achas graça e lambuzas-me toda! Adoro!!!

Ainda não chegaste aos 10kg... o que as 18 meses digamos que não é assim uma coisa muito boa. O pediatra não ficou preocupado, diz que andas sempre ali a saltitar no percentil 5 e que portanto, não há motivo para precoupação. Medes 80 cm.

Hoje foi dia da primeira notícia que nos deixou apreensivos em relação a ti: tens aquilo que os médicos chama dedos de gatilho... que é o mesmo que dizer que tens os dois polegares dobrados e que não esticam para trás como deviam. Já tínhamos notado isto há alguns meses, mas da última vez tínhamos-nos esquecido de perguntar ao pediatra e também não achamos que fosse motivo para grande preocupação. De facto, não muda nada teres sido diagnosticado agora ou há 3 meses, mas o que interessa é que vais ter que ser operado. Só a palavra "operado" faz-me logo ficar de coração apertado. Vamos primeiro a uma consulta de ortopedia e aí é que dirão quando será feita. À partida, precisas de fazer nos dois polegares, mas o mais certo é não dar para ser ao mesmo tempo, para não ficares com as duas mãos imobilizadas:( Nem quero imaginar o que vai ser essa recuperação e como é que vais conseguir ter a mãozinha imobilizada:(

Vai correr tudo bem, isso é que interessa!

Amo-te meu pequenino.

Parabéns, meu amor!


Calções - Knot
Casaco de malha e camisa - Laranjinha
Sapatos - Lanidor 
Collants - Calzedonia


sexta-feira, 8 de março de 2013

Primeira compra Bazaar Chiado

Se ainda trabalhasse no Chiado era de certeza uma pessoa muito mais feliz do que sou aqui em Alcântara. Mas também seria, com toda a certeza, uma pessoa bem mais pobre. A Bazaar Chiado é uma daquelas lojas onde estaria sempre batida... mas como sou uma preguiçosa do pior para me deslocar dentro da cidade, só me safo com compras online. E esta já chegou ao meu armário...



Se pudesses voltar atrás, o que dirias a ti própria antes de seres MÃE

Vi este vídeo quando estava grávida e ADOREI. E hoje voltei a lembrar-me dele porque uma amiga publicou no mural de uma outra amiga, uma mom to be. E acho que todas as mães deviam ouvir isto antes de serem mães...

Aqui fica...


Sexta-feira 13???

Começar o dia a rebentar não um mas dois pneus do carro... é obra!!!
Só a mim!!!

quinta-feira, 7 de março de 2013

Uma história por dia!

Nas últimas semanas temos um novo ritual lá em casa: ler uma história antes de dormir. Ora, aquilo que começou por ser uma excelente ideia, de repente transformou-se num pesadelo! Passo a explicar... 
No outro dia decidi ler uma história à V. quando já estava na cama a adormecê-la. Ela adorou! Ouviu com muita atenção, foi identificando nos desenhos do livro o que eu lhe ia lendo e no final bebeu o seu leitinho e ficou a dormir. Fantástico. Só que de dia para dia ela quer mais e mais "atórias"! Eu acabo de ler e ela quer começar tudo de novo. Uma, duas, três e quatro vezes se for preciso. Já lhe expliquei por A mais B que é uma história por dia, mas a princesa não entende e quando fecho o livro ela desata aos gritos a chorar desalmadamente!!! A chorar à séria. Ontem fomos para a cama às 22.30h (novo horário :=) ) e com a treta da história eram 23.30 e nada de dormir. E agora??? Ou acabo com as histórias ou alguém me arranja uma forma de lhe explicar que depois de ler é para dormir!!! Help me. 

P.S.: Ando a ler-lhe os livros da Colecção Primeiros Passos na Leitura, da Salvat (post antigo aqui). Um livro, uma letra. A V. adora porque tem muitos desenhos ao longo da história e no final tem objectos para ela identificar. Por exemplo, no livro M de Marta, tem o mar, uma mota, no C de Catarina um camião, umas calças, um computador, etc...


Iphone dressed by Zilian

A minha entrada em 2013 trouxe-me um novo vício: o Iphone... A Optimus foi uma querida e eu acabei por me render ao estilo Apple... aplicações super úteis, internet ilimitada, funcional... de facto, não há melhor. 

Mas Iphone que é Iphone precisa de andar bem vestido... Já tinha andado a ver uma série de capas giras, mas nenhuma me tinha conquistado. Quer dizer, para dizer a verdade as da Princess Pea são lindas de morrer (com ilustrações originais muito giras)... Ainda assim, quando a Zilian me deu a hipótese de trocar os pontos Zii que tinha no cartão por uma capa by Zilian não hesitei. E assim, o meu Iphone passou a andar como a dona... calçado pela Zilian.


O dia do pai....

Está mesmo aí à porta e eu estou SEM IDEIAS! Não sei o que há, não sei o que quero, apenas que gostava de oferecer qualquer coisa engraçada ao maridão-barra-super-pai. O G. ainda não faz desenhos dignos desse nome...posso sempre pôr a mão dele num papel ou arriscar outros trabalhos manuais, mas com o meu jeitinho para as artes, teme-se o pior. Alguém já pensou nisso? Já sabem o que vão oferecer?

Pessoas!


Há pessoas despropositadamente desagradáveis! Que têm sempre uma palavra agressiva debaixo da língua. Pessoas que me fazem confusão, com as quais eu não sei lidar. Pessoas que me incomodam, que interferem com a minha espontaneidade porque vêem sempre mal e segundas intenções em tudo. Estão sempre prontas a julgar, a atacar e a mandar abaixo. Pessoas que me intimidam. Pessoas com quem  não gosto de estar. Aliás, nunca sei como reagir com elas e a maior parte das vezes fico mesmo sem reacção. Depois, penso sempre que devia ter dito X, Y. Z, mas, no momento, regra geral, nunca digo nada. Na verdade, acho  que, às vezes, a melhor resposta é mesmo a tua atitude. 

quarta-feira, 6 de março de 2013

Anita

Acabei de ver no meu facebook que as histórias da Anita vão começar a dar no Canal Panda. Lembram-se da Anita??? Eu adorava os livros dela: Anita no campo, na escola, na praia... Espero que a V. também goste :=) 


De segunda a sexta às 7.30 e 19.45
(espera... 19.45 é a hora do Noddy!!! Oh meu Deus se acabam com o Nóni, como diz a V., a minha princesa vai ficar muito triste...)




18 meses! Parabéns Baby G.!

Um ano e meio! Meu Deus, já passou tanto tempo. 18 meses a aprender a ser mãe. A desenvolver o meu instinto, a confiar na minha intuição, a ter medo, sim, às vezes, consigo ser muito medrosa, angustias, mas acima de tudo a amar todos os dias mais e mais e mais. A precisar apenas da tua alegria para me sentir feliz e mesmo que o dia tenha sido uma m****, não consigo deixar de sorrir quando te vejo feliz. Quando vens a correr com os braços esticados na minha direcção ao final do dia. Ficas tão feliz de me ver que começas às voltas sobre ti próprio, atiras-te para o chão e vais buscar pela mão para não me afastar.
 É tão bom! É tão bom encher-te de beijos, fazer-te cócegas na barriga, atirar-te ao ar, ficar molhada das brincadeiras do banho e ofegante das nossas corridas pela casa. Gostas de brincar. Adoras esconder carros, bolas, peças, nas gavetas, nos armários, debaixo das almofadas. Viras-te para nós e fazes sinal com as mãos que não há. Nós fingimos que começamos à procura e tu começas a rir e passado segundos vais buscar as coisas com um sorriso traquinas, como quem diz 'está aqui'! Este mês esse esconde, esconde foi a tua brincadeira favorita. Também aprendeste a fazer desenhos, ou melhor riscos, e vens ao todos os dias ao escritório buscar canetas.  Hoje comprei-te uns lápis de cera.
Bastes palminhas a ti próprio e sempre que ouves música ou que acaba um desenho animado. Sorris abertamente quando vês alguém que conheces e gostas! Sai um ohhhh da tua boca que é muito característico e que não consigo descrever em palavras.
É oficial, tens 16 dentes. Este mês nasceram os dois que te faltavam à frente e cheira-me que atrás também deves ter alguma coisa a incomodar-te. Mas não consigo ver tão bem. Andas há uns dias com diarreia e dar-te medicação continua a ser um terror. Se os xaropes já não eram fáceis, as saquetas para diluir em água são impossíveis. Não consigo fazer-te beber e tenho de te enganar e misturar com comida. Primeiro,  não é tão eficaz. E depois, faz com que  fiques desconfiado. Já misturei na tua água e nesse dia não quiseste mais o biberão. Só aceitavas água do copo e se me visses despejar da garrafa. Ontem misturei no leite e tu sentiste o sabor diferente. Ficaste tão triste e não quiseste beber mais. Versões em supositórios para todas as maleitas infantis davam imenso jeito... Fica a sugestão!
Já dormes a noite toda, mas nunca seguida na tua cama. O primeiro sono é lá, mas a meio da noite inevitavelmente vens para a nossa cama. Ficas a dormir de imediato, mas se tento voltar a pôr na tua cama acordas. Manhoso. Mas sinceramente já deixei de me stressar com isso. As noites são muito melhores e com o tempo vais aprender a dormir a segunda metade da noite na tua cama. Assim espero. Aliás tenho a certeza que aos 16 anos já não vais querer dormir com o pai e a mãe! =)))
Sempre gostaste de tomar banho, mas agora, desde que te sentas na banheira,  estás viciado. Só não vais vestido e calçado porque eu te seguro, porque tu bem alças a perna. Continuas a não gostar do secador, mas agora  com conversa para cá e para lá, e distraindo as tuas reclamações já te consigo secar o cabelo. Já não tinha paciência para secar com a toalha, que tu tens cabelo que nunca mais acaba.
Estás cada vez mais atento e esperto. Percebes as conversas todas, tens noção de quando estão a falar de ti e até já fazes gracinhas. Conheces bem as rotinas e pela manhã andas sempre agarrado à minha perna. Sabes que eu me vou embora e não gostas. O truque é não me veres sair. Se não vês, ficas bem, dás uma volta à casa à minha procura e continuas a brincadeiras com a avó. Se vês, não gostas e choras.  Já sabes os caminhos e agora sempre que passamos  a rotunda da casa dos avós, fazes sinal que queres parar. Sempre que sais do café, queres ir ao parque aqui perto e já sabes o caminho.
Continuas 'viciado' nas minhas mamas. Não sei se é por teres mamado até aso 15 meses, mas vira e mexe, já estás com a mão dentro da minha camisola. Fazes isso em várias ocasiões, mas especialmente em situações que te stressam.  
Ainda não falas e não me parece que vás falar tão cedo. Não fazes esforço nenhum e mantens o teu hum-hum habitual sem te preocupares. Só te dás ao trabalho de dizer qualquer coisa do género dá, dá, dá ou olá, olá olá (numa versão atabalhoada, note-se) quando queres algo e nós não te damos e insistimos para  falares.
E é isto. Um ano e meio de amor. O melhor ano e meio de sempre! E gostava de fugir ao cliché mas ser mãe é mesmo a melhor experiência do mundo.

Amo-te tanto traquinas! Todos os dias mais!

Wishlist Pili Carrera PV/2013

Preciso fazer uma encomenda à BebeBolsão, mas não posso pedir tudo o que gostava que o Gaspar já me levou em impostos mais do que devia... Portanto, toca a votar:

Conjunto aos quadrados (desculpem, mas não consigo linkar só uma das imagens?

Versão pólo em vez da camisa... é menos pipoca....
O vestido fica lindo na V.

Este conjunto é parecido com um cinza do ano passado





terça-feira, 5 de março de 2013

Será que é desta???

Ando de ano para ano a pensar em comprar umas socas. Acho giro, fashion e prático para os dias de primavera, quando não aguentamos as botas e ainda é cedo para sandálias. Mas depois acabo sempre por desistir. Tenho a sensação que não devem ser muito confortáveis, que magoam os pés e que depois ficam na sapateira sem serem usadas. No outro dia fui comprar uma túnica a uma loja em Carcavelos que a BebéBolsão me falou e fiquei apaixonada por umas socas lindas da Xuz. Nunca tinha ouvido falar na marca ("perdoem-me a ignorância"), mas segundo a senhora da loja são do melhor que há. Experimentei e confesso que fiquei tentada a comprá-las. O que acham??? Alguém já experimentou andar de socas o dia todo??? 

Estas foram as que gostei!


Socas Xuz na Sisters Trend

Fim-de-semana na Serra

Foi bom, tão bom! Escorregamos na neve, rimos, conversamos, comemos, fizemos pão, batemos na porta do quarto do lado só para saber se já estavam prontos... Mas, mais que tudo, vimo-los a correr atrás uns dos outros, a  brincar, a rir, a fazer amigos, a lutar pelos brinquedos que um queria e o outro tinha, a reconhecer a presença uns dos outros, a  trocar chuchas e a fazer birras à vez... Muitas vezes, cansativo, cansativo, porque a logística é impressionante e não tem comparação com os tempos em que éramos só nós... mas, por outro lado, é tão mais compensador, tão mais bonito! Foi bom, tão bom, vê-los serem amigos e saber que o desejo de que eles sejam mesmo amigos como nós somos, é afinal uma realidade!


segunda-feira, 4 de março de 2013

Gravidez: no Verão ou no Inverno?

Hoje, quando sai de casa, 'esbarrei' (está lá todos os dias, mas não sei porquê hoje olhei mais para ela) com uma fotografia minha de grávida com o barrigão à mostra! Que saudades! Da gravidez, claro! Mas também do calor, do sol, dos dias compridos…E  de repente fiquei a pensar: como será estar grávida no Inverno? De barrigão, com vento, frio, casaco, guarda-chuva, botas, cachecol, luvas...ufa, assim à partida, parece-me tão ‘pesado’. Eu ADOREI estar grávida no Verão: de exibir o barrigão de biquíni, de entrar dentro da água fria do mar - baby G. esticava-se todo dentro de água - de andar de vestidos leves e de sandálias, de apanhar sol, dos fins de tarde no paredão. Lembro-me de me dizerem que passar o Agosto com quase 9 meses ia ser insuportável, por causa do calor e do inchaço das pernas e mais não sei quantas coisas que já não me lembro… só sei que não achei nada! Também acho que tive sorte porque o Agosto de 2011 não foi muito quente. Esteve mais calor em Setembro, depois do Baby G. nascer, e em Outubro do que no Verão. 
E vocês estiveram grávidas em que época do ano? Gostaram? Como foi a vossa experiência? Já passaram por uma gravidez no Inverno e outra no Verão? Qual gostaram mais?

Olha a foto!!!

Os gossipbabies na Serra da Estrela! Que estilo!


sexta-feira, 1 de março de 2013